© 2020 by ONDAX

  • Facebook PSRosseto
  • Instagram PSRosseto
  • Paulo Sérgio Rosseto

VULNERÁVEL

Atualizado: Jan 15

Desconfio ter um jardim muito vulnerável

Às vezes tem medo de mim

Acredita que posso a qualquer momento

Podar uma roseira

Furtar-lhe uma flor

E isso seria uma grande perda

Pois entende que todas as suas aveludadas pétalas são

Insignes

Imprescindíveis

Insubstituíveis

De inestimado valor sem fim


Ao mesmo tempo contenta-se por servir-me

Perfumadas rosas tão saudáveis

Pois sabe que quando as levo

São para alegrar os olhos e o coração de minha amada


Realmente não compreendo meu jardim


1 visualização