• Paulo Sérgio Rosseto

TODO TIPO DE CANTO

Eu me encanto quando ouço

Todo tipo de canto


Há momentos no entanto

Que simplesmente a voz embarga

Por não saber ouvir ou não poder cantar

Ou se solta entorpecida no acalanto dos tons


Talvez eu não me veja tão alegre cantarolando

Nem esteja triste quando ando emudecido pelos cantos

Acontece que os dias são assim um tanto diferentes

E a gente se põe mais intimamente sensibilizado

Entre estranhos sons de desencantos alegrias ou torpor


Ainda assim haverá sempre um suspiro

À espreita de qualquer enunciado de canção sendo ouvida

E uma cantiga ensaiando a própria melodia pronta

Demovida da garganta afinada de um cantor

0 visualização

© 2020 by ONDAX

  • Facebook PSRosseto
  • Instagram PSRosseto