© 2020 by ONDAX

  • Facebook PSRosseto
  • Instagram PSRosseto
  • Paulo Sérgio Rosseto

INVOLUNTÁRIOS

Atualizado: Jan 15

Tenho vontade de pular o muro

Sair da rua

Cair no teu quintal

Enfrentar tuas sombras correndo atrás dos meus dilemas


Você também poderia

Vir agora em meu pomar

Trazer mais flores para o jardim

Recolher as roupas estendidas no varal ou despi-las


Poderíamos nos encontrar em qualquer um dos portões

Da minha casa ou da sua

Conversar pelo interfone

Dizer se chove ou faz frio se tem sol ou noite ou lua


Combinar um pernoite

Qualquer café num perfume


Mas continuamos involuntários

Certos de que as vontades passam

Bastando ignora-las como fazemos com as ousadias


Enquanto isso a noite morre o dia


1 visualização